terça-feira, 15 de agosto de 2017

Quadrinhos Expandidos: novo livro do Ciberpajé terá lançamento oficial nas IV Jornadas Internacionais de Quadrinhos da USP


Capa do livro com arte do Ciberpajé

Acaba de sair do prelo o novo livro do Ciberpajé Edgar Franco, a obra Quadrinhos expandidos: das HQtrônicas aos plug-ins de neocortex, é um lançamento da notória editora Marca de Fantasia, que tem se dedicado há mais de uma década a publicar obras de referência nas múltiplas áreas de pesquisa sobre quadrinhos.

Na obra, o artista transmídia e pesquisador, trata dos processos criativos de histórias em quadrinhos expandidas, entendendo como HQs expandidas não só as que incluem novos recursos tecnológicos e hipermidiáticos em sua linguagem e fruição, mas também aquelas que lançam mão de recursos não tradicionais para a sua gestação. Sobretudo os quadrinhos criados sob influência dos enteógenos, aqui chamados de “plug-ins de neocortex”, que funcionam como “softwares livres da natureza” expandindo nossa consciência a estados ampliados, assim como outras técnicas de ENOC – estados não ordinários de consciência, com destaque para a Respiração Holotrópica e a magia de sigilos. O texto apresenta experiências autorais de criação expandida de HQtrônicas, e de HQs psiconáuticas e magísticas, destacando as singularidades em seus processos criativos a partir de exemplos da práxis artística.

Na apresentação ao livro o Dr. Antar Mikosz ressalta que “Quem tem experiências com enteógenos poderá se deliciar com as descrições e compreender a dimensão do que está sendo narrado. Ciberpajé foi muito inspirado, buscador, ousado nessas incursões. Porém, quem não passou por experiências parecidas pode as compreender por um fenômeno de ressonância intuitiva, pois a intuição parece nos dar a condição necessária para apreciar algo mesmo que não experimentado diretamente, mas por ser natural e estar potencialmente dentro de todos nós”.

A obra terá seu lançamento oficial durante as IV Jornadas Internacionais de Quadrinhos, na ECA-USP, a sessão de autógrafos acontecerá dia 24 de agosto de 2017, às 19h, no auditório Lupe Cotrim, que fica no primeiro andar do prédio da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo.

A obra pode ser adquirida diretamente no site da Editora Marca de Fantasia clicando na imagem abaixo.


Serviço:

Quadrinhos expandidos: das HQtrônicas aos plug-ins de neocortex
Edgar Franco - Ciberpajé
Série Quadrinhos Poético-filosóficos, 7.
Paraíba: Marca de Fantasia
2017.100p. R$25,00.
ISBN 978-85-67732-75-6



quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Ciberpajé concede entrevista ao programa "Enredo Cultural" da TV UFG


Ciberpajé durante a filmagem da entrevista na FAV/UFG

O Ciberpajé Edgar Franco concedeu hoje entrevista ao programa "Enredo Cultural", da TV UFG. Na entrevista falou de sua concepção de arte, sua mutação em Ciberpajé, da arte como um processo de transmutação rumo à integralidade e de sua atuação como artista transmídia. A entrevista foi realizada para o quadro "Retrato Cultural" e logo que o programa for ao ar divulgaremos aqui no Blog. O programa "Enredo Cultural" tem roteiro e apresentação de Marcelo Pedro e produção de Vasconcelos neto.


Veja algumas fotos da filmagem da entrevista, realizada no prédio da FAV-UFG - Faculdade de Artes Visuais da Universidade Federal de Goiás. Fotos da I Sacerdotisa Rose Franco.

 Ciberpajé durante a filmagem da entrevista na FAV/UFG


 Ciberpajé durante a filmagem da entrevista na FAV/UFG

Pose acadêmica com o cinegrafista  Fernando Bras, o Ciberpajé e o apresentador Marcelo Pedro

OCinegrafista Fernando Bras, o Ciberpajé e o apresentador Marcelo Pedro





sexta-feira, 4 de agosto de 2017

[Lançamento] Aforismo VI - videoclipe inspirado por Ayahuasca

Frame do videoclipe "Aforismo VI" faixa do EP "Ciberpajé: Pós-quintessência"

Acaba de ser lançado o videoclipe experimental para a faixa "Aforismo VI" do EP "Ciberpajé : Pós-quintessência". O vídeo D.I.Y., com apenas um minuto e meio de duração, foi inspirado em uma experiência de ENOC (estado não ordinário de consciência) na qual o Ciberpajé ingeriu o enteógeno Ayahusca. As imagens e o som buscam representar aspectos da experiência visionária que uniu imanência e transcendência. Assista o vídeo nesse link, ou logo abaixo:



A faixa musical "Aforismo VI" é bonus track de "Pós-quintessência", o décimo EP do projeto Ciberpajé. Ele foi concebido como uma celebração, tendo como convidados os cinco projetos/musicistas que gravaram os primeiros EPs em parceria com o Ciberpajé, cada um deles criando uma das novas faixas. Os convidados a gravarem aforismos inéditos para o EP foram: Each Second (SP), Gorium(MT), pUNK[A]l_sUlUk (Brasília), Sergio Ferraz (PE),  e Alan Flexa (AP), autor do quinto EP. Ouça, e saiba mais sobre o EP "Ciberpajé: Pós-quintessência" nesse link.



A faixa "Aforismo VI" foi gravada pelo Posthuman Tantra para a versão numerada e limitada em 30 cópias do EP em formato mini CD. Na música experimental, que buscou uma atmosfera sonora/auditiva de certos momentos da experiência, além de sintetizadores, o Ciberpajé utilizou o instrumento acústico udu. As imagens do videoclipe investem em distorções de paisagens naturais e artificiais gerando anamorfoses e pareidolias que remetem a seres míticos e totêmicos, elas também buscam representar aspectos visuais da experiência de ENOC.  
Frame do videoclipe "Aforismo VI",  faixa do EP "Ciberpajé : Pós-quintessência"


Ciberpajé com exemplares da versão em mini CD do EP "Ciberpajé: Pós-quintessência"

segunda-feira, 24 de julho de 2017

BioCyberDrama Saga: Leia resenha do lendário mestre das HQs Júlio Shimamoto



Na adolescência li muito Sci-Fi de autores como H.G.Wells, I.Asimov, Julio Verne, Orwel, Arthur Clark, Philip Dick, até Aldous Huxley(Admirável Mundo Novo) etc, mas depois fui me desinteressando pelo assunto, mesmo assim assisti aos fimes "2001 - Uma Odisseia no Espaço", "Blade Runner", "De volta para o futuro", " O Exterminador do Futuro", "Alien, o oitavo passageiro", "Guerra nas Estrelas", "Tron", "Matrix"...


Recebi o livrão "BioCyberDrama Saga" com a impactante capa de Mozart, e ao folheá-lo fiquei inibido com a introdução com peso de uma autêntica monografia. Fui adiando a leitura com a desculpa, verdadeira, de que eu andava atarefado demais. Mas enfim decidi romper o bloqueio mental e li as eruditas resenhas e a "muralha"do prefácio, por sinal, genialmente escrita, e pude finalmente partir para a hq propriamente dita.

Vou ser curto e grosso: EDGAR FRANCO E MOZART PRODUZIRAM UMA AUTÊNTICA OBRA-PRIMA!

Ainda sobre Edgar Franco, cá com meus botões, sua arte refinada e poética levou-me a associá-lo ao grande artista inglês Aubrey Beardsley, e a sua criatividade visionária ao genial e premiadíssimo quadrinista francês de ficção científica Philippe Druillet. Franco e Mozart estão de parabéns!


Júlio Shimamoto.

Mestre Shimamoto em foto do site www.julioshimamoto.com.br
"
Saiba mais sobre o álbum "BioCyberDrama Saga" e adquira sua segunda edição em capa dura nesse link.

sexta-feira, 21 de julho de 2017

[Lançamento] Versão limitada em mini CD do EP "Ciberpajé: Pós-quintessência" inclui bonus track




Acaba de ser lançada a versão em mini CD do EP "Ciberpajé - Pós-quintessência". O EP, disponibilizado para download e com streaming gratuito, é um lançamento da Lunare Music. Ele foi concebido como uma celebração, tendo como convidados os cinco projetos/musicistas que gravaram os primeiros EPs em parceria com o Ciberpajé, cada um deles criando uma das novas faixas. Os convidados a gravarem aforismos inéditos para o EP foram: Each Second (SP), Gorium (MT), pUNK[A]l_sUlUk  (Brasília),  Sergio Ferraz (PE), e Alan Flexa (AP). O resultado são 5 faixas impactantes, cada uma com a marca dos musicistas envolvidos mostrando a variedade de climas sonoros do Projeto Ciberpajé.

A versão em Mini CD inclui uma faixa bonus inédita "Aforismo VI", com música criada pelo Posthuman Tantra inspirada em uma experiência de ENOC (estados não ordinários de consciência) na qual o Ciberpajé ingeriu o enteógeno Ayahusca. O aforismo musicado nessa faixa foi: Quando a imanência funde-se à transcendência surge a pós-quintessência. Como já é marca registrada dos EPs, o Ciberpajé, além dos aforismos e vozes, também criou a capa da obra, inspirada no conceito de pós-quintessência. 



O Mini CD foi produzido por Léo da Heresia (pUNK[A]l_sUlUk) que realizou todo o projeto gráfico para a limitadíssima edição de 30 cópias numeradas a mão. Adquira sua cópia enviando e-mail para: ciberpaje@gmail.com .  

Saiba mais sobre o projeto Ciberpajé aqui. Leia uma sensível resenha do EP "Ciberpajé - Pós-quintessência" publicada na prestigiada revista KeyboardOuça o EP "Ciberpajé - Pós-quintessência" na íntegra em streaming e baixe a versão com encarte nesse link. 


quinta-feira, 20 de julho de 2017

[Resenha] EP "Ciberpajé: Pós-Quintessência" recebe sensível resenha na Revista Keyboard #48


Acaba de ser publicado o número 48 da Revista Keyboard, de julho de 2017. Essa edição da prestigiada publicação musical traz na capa Jordan Rudess, tecladista do Dream Theater, que concedeu entrevista exclusiva à revista. Também na capa pode ser lida a chamada para a resenha do décimo EP do Projeto Ciberpajé: "Ciberpajé e seu Pós-quintessência - A Arte como Forma de Transformação Cósmica". A seminal e detalhada resenha da obra foi feita pelo colunista Sérgio Ferraz, ela pode ser conferida nas páginas 68 e 69 da edição que pode ser lida na íntegra online ou ser baixada em PDF nesse link. Abaixo incluímos um fac-símile da resenha.



Capa do EP Ciberpajé - Pós-quintessência


Pós-quintessência é o décimo EP do projeto Ciberpajé. Ele foi concebido como uma celebração, tendo como convidados os cinco primeiros projetos/musicistas que gravaram os primeiros EPs em parceria com o Ciberpajé, cada um deles criando uma das novas faixas. Os convidados a gravarem aforismos inéditos para o EP foram: Each Second (SP), primeiro projeto a gravar um EP com o Ciberpajé; Gorium(MT), gravou o segundo EP do projeto; pUNK[A]l_sUlUk  (Brasília), responsável pelo terceiro EP; Sergio Ferraz (PE), criador do quarto EP, e Alan Flexa (AP), autor do quinto EP. O resultado são 5 faixas incríveis, cada uma com a marca dos musicistas envolvidos mostrando a variedade de climas sonoros do Projeto Ciberpajé. Como já é marca registrada dos EPs, o Ciberpajé, além dos aforismos e vozes, também criou a capa da obra, inspirada no conceito de pós-quintessência. Saiba mais sobre o projeto Ciberpajé aqui. Ouça o EP  "Ciberpajé - Pós-quintessência" na íntegra em streaming e baixe a versão com encarte nesse link. 

Capa da revista Keyboard #48 - Incluindo chamada para resenha do EP Ciberpajé - Pós-quintessência

segunda-feira, 17 de julho de 2017

[Veja como foi] Performance do Posthuman Tantra no festival "Children of the Darkness II", em Anápolis

No dia 15 de julho de 2017, o Posthuman Tantra, composto pelo Ciberpajé (vozes, synths e performer), pela I Sacerdotisa Rose Franco (musicista e performer), por Luiz Fers (performer e figurinista) e Lucas Dalberto (VJ), contando com o convidado especial Léo da Heresia (Punk(A)I_sULUK), e com a performer convidada Flávia Provesi, realizou sua performance completa com os IX Atos Pós-humanistas no "Festival Children of the Darkness II".  O evento darkwave aconteceu no Clube Noranha, na cidade de Anápolis (GO) e envolveu ainda shows de outras bandas, performances e discotecagem. 

O Posthuman Tantra foi a primeira banda da noite a apresentar-se, iniciando sua performance exatamente à meia-noite. A banda agradece aos organizadores do festival e aos amigos que foram prestigiar-nos, especialmente aos grandes José Loures e Pepita Afiune, responsáveis pelas incríveis fotos que registraram a performance e que ilustram esse post.

 Punk(A)I_sULUK e seu cósmico berimbau elétrico abrilhantando a performance.

 O Ciberpajé durante o Ato I - Biotech Antenna

O Ciberpajé durante o Ato I - Biotech Antenna


 O Ciberpajé durante o Ato II - Ciberpajelança


 O Ciberpajé durante o Ato III - Transhuman Werewof's Mutation

 O Ciberpajé durante o Ato IV - Os Mistérios Insondáveis


 O Ciberpajé durante o Ato V - Sexual initiation with a Multifunctional Robot

 O Ciberpajé durante o Ato VI - Tênue Esfera azul 


O Ciberpajé e a I Sacerdotisa durante o Ato VII - Penetrate the Virgin Bioport 

 O Ciberpajé e a I Sacerdotisa durante o Ato VII - Penetrate the Virgin Bioport 

 O Ciberpajé durante o Ato VIII - O Selvagem

  O Ciberpajé durante o Ato VIII - O Selvagem

  O Ciberpajé e a performer convidada Flávia Provesi durante o Ato IX -Tema o Homem, Ame o Lobo

 O Ciberpajé e a performer convidada Flávia Provesi durante o Ato IX -Tema o Homem, Ame o Lobo

O Ciberpajé e a performer convidada Flávia Provesi durante o Ato IX -Tema o Homem, Ame o Lobo

O Ciberpajé e a performer convidada Flávia Provesi durante o Ato IX -Tema o Homem, Ame o Lobo


O Ciberpajé e a performer convidada Flávia Provesi durante o Ato IX -Tema o Homem, Ame o Lobo 


Posthuman Tantra e convidados especiais, da esquerda para a direita: Luiz fers (performer e figurinista), Léo da Heresia (performer e musicista), I Sacerdotisa Rose Franco (performer e musicista), Flávia Provesi (performer) e Lucas Dal Berto (VJ).