sábado, 8 de outubro de 2016

Ciberpajé apresenta sua concepção de "HQ Expandida" em evento de Arte & Tecnologia no Museu Nacional, em Brasília

O artigo, no qual se baseou a explanação oral, intitula-se "HQ EXPANDIDA: DAS HQTRÔNICAS AOS PLUG-INS DE NEOCORTEX", e propõe uma nova concepção para HQ expandida, abarcando não só os quadrinhos em outros suportes e fruto de convergência midiática como as HQtrônicas, os HQGIForismos e as HQs em 360 graus, mas também todos os quadrinhos criados a partir de métodos de expansão da consciência, com destaque para o uso de enteógenos (como Ayahuasca e Psilocybe Cubensis), a utilização da técnica da Respiração Holotrópica, e também o uso da magia de sigilos e de técnicas de desenho automático para a obtenção de ENOC - Estados não ordinários de consciência. No texto o Ciberpajé chama os enteógenos de "Plug-ins de Neocortex" e os batiza como "softwares livres da natureza" por sua capacidade de promoverem estados ampliados de percepção.


Ciberpajé apresentando o artigo durante o 15#Art, no Museu Nacional, em Brasília (Foto de Anésio Neto).


A apresentação aconteceu durante o 15#ART - Encontro Internacional de Arte e Tecnologia, no Museu Nacional, em Brasília, no dia 4 de outubro de 2016. O Ciberpajé Edgar Franco falou para um auditório com presenças de importantes pesquisadores nacionais e internacionais da área de artes. Inclusive ele também está com a instalação interativa "La Vero" exposta na exposição EmMeio#8, que é parte do evento, conheça a instalação aqui.




Ciberpajé apresentando o artigo durante o 15#Art, no Museu Nacional, em Brasília (Foto de Anésio Neto).



O artigo é um dos resultados das novas pesquisas de processos criativos desenvolvidas pelo Ciberpajé no contexto do grupo de pesquisa CRIA_CIBER que coordena na Faculdade de Artes Visuais da UFG - Universidade Federal de Goiás, e de seus experimentos pessoais de criação. Leia-o na íntegra clicando na imagem do resumo, logo abaixo, ou aqui.