sexta-feira, 16 de junho de 2017

Resenha do EP "Ciberpajé - Concerto Pós-humano: A Execração dos Ismos", por Jhoel Trindade

"Impecável! Ciberpajé esbarrou nos limites poético-filosóficos do universo e estilhaçou toda barreira em milhares de pedaços cada qual refletindo todo o cosmos como um fractal. A qualidade sonora galgou patamares inimagináveis para a origem do Posthuman Tantra, mas em momento algum renegou sua origem, é como uma árvore da vida q expande seus galhos até tocar no sol enquanto crava suas raízes nos mais profundos infernos (N.R. a parte musical do EP ficou a cargo do grande ANT[ISM] de São Paulo). Na primeira faixa temos uma abdicação ao status social, a identificação externa... Na segunda faixa vejo o embasamento, a recusa da idolatria dos "ismos"... Concluindo de forma brilhante com a terceira faixa, que revela a mecânica da criação livre ao som que remixa nuances sacras à capella com a harmonia eletrônica sob influência do metal. É o profano e o angélico em uma transa cósmica onde o caos dá forma à uma estrutura coesa e magnífica. Eu que acompanho os trabalhos originais do Ciberpajé impressionei-me demais com a qualidade e o sincronismo das artes, dos aforismos e das escalas tônicas que compõem tão belas melodias. Espero que essa parceria dê mais frutos e que inspire novos artistas em sua emancipação medial. Grande abraço!!!" (Jhoel Trindade)

Ouça o EP "Ciberpajé - Concerto Pós-humano: A Execração dos Ismos", parceria com o ANT[ISM], na íntegra em streaming e baixe a versão em .wav com capa e encarte completo nesse link da Lunare MusicVeja o post completo sobre o lançamento.
Arte de capa do EP, por Ciberpajé Edgar Franco

Veja outros comentários sobre o EP "Ciberpajé - Concerto Pós-humano: A Execração dos Ismos" lançado pela Lunare Music, em parceria com o iconoclasta projeto [ANT]ISM, de São Paulo, formado por Rodrigo Nunes, Rodrigo Fonseca e por Dimitri Brandi (banda PSYCHOTIC EYES) no post: http://ciberpaje.blogspot.com.br/2017/05/comentarios-do-publico-sobre-o-novo-ep.html